Cadastre-se e leia os novos conteúdos da BRSA por e-mail.

Ser efetivo é não fazer spam.
Seus dados estão seguros.

Mídia programática: o que é, qual a chave do sucesso e as principais tendências do segmento

Mídia programática: o que é, qual a chave do sucesso e as principais tendências do segmento

Mídia programática é uma forma automatizada de comprar e vender espaços publicitários para específicos público-alvos.

Se tem um setor que não sabe o que é crise é a publicidade digital. Segundo a pesquisa Digital Adspend 2019, realizada pela IAB Brasil, 33% dos investimentos em mídia no Brasil foram para o digital em 2018, o que representou um total de R$ 16 bilhões naquele ano. Além disso, mais de 60% desses investimentos estavam com o foco no mobile. A expectativa da consultoria era de que 2019 terminaria com um incremento de 30% (mais de R$ 20 bilhões) no investimento em digital. Os dados ainda não foram atualizados.

Esses números indicam que o digital deixou de ser uma opção para se tornar o principal canal de investimento da publicidade. E neste cenário, a mídia programática passou a se comportar como uma ferramenta de grande valor, porque permite a criação de campanhas publicitárias altamente personalizadas. 

No Brasil, a escalada do crescimento do digital mostra que a indústria programática também não é mais uma alternativa para a publicidade. Essa modalidade já representa 78% de toda a compra de inventário digital no Brasil, conforme dados da IAB Brasil. Mas, afinal o que é mídia programática?

O que é mídia programática?

Em um mercado cada vez mais competitivo, as empresas do segmento de publicidade se desdobram para automatizar o máximo suas atividades. Especialmente, quando falamos em compra e venda de publicidade online.

Diferentemente das campanhas tradicionais, a negociação programática é feita diretamente via software, em leilões virtuais, que acontecem em tempo real e com parâmetros de oferta e procura bem detalhados, o que possibilita campanhas com foco real em performance e no aumento mensurável nas vendas.

Mídia programática abre oportunidade de exibir um anúncio para um cliente específico, em um contexto particular. A automatização permite que a marca personalize a sua mensagem para a pessoa certa, no momento preciso e no contexto exato.

As marcas podem segmentar seus anúncios com base em dados demográficos, como idade, sexo, posição social e localização geográfica. Também pode limitar os anúncios a horários do dia e a frequência, decidir em quais editores deseja exibir seus anúncios, entre outras opções.

Por fim, a metodologia possibilita muito mais precisão e personalização de mensagens e mídia.

E qual a chave do sucesso?

Um dos ingredientes chave dessa automação é a Inteligência Artificial (IA), seja machine learning ou o mais recente deep learning, que hoje alimentam a transformação da indústria publicitária e do marketing

Você consegue imaginar um profissional de marketing realizando as negociações de forma manual? É impossível! Principalmente pela quantidade de dados envolvidos em cada uma dessas negociações. 

A Inteligência Artificial possibilita muito mais do que economia de tempo ou gerenciamento preciso de dados. Os algoritmos de IA estão impulsionando o mercado de mídia programática e a razão é bem simples. 

Potencializar a tomada de decisões

Por meio da interpretação eficiente de dados, segmentação e perfil do público-alvo, por exemplo, os algoritmos de IA podem capacitar os anunciantes a melhorar drasticamente a performance de suas campanhas e, consequentemente, melhores resultados de vendas.

Os algoritmos de IA simulam os padrões de tomada de decisão do cérebro humano e é capaz de processar milhares de dados em poucos milésimos de segundos e potencializa significativamente o poder de análise e interpretação dos dados das campanhas. Também são capazes de modificar ou customizar suas próprias ações por meio de “experiências aprendidas”.

Por conta disso, a inteligência artificial causará grande impacto na indústria de anúncios programáticos nos próximos anos.  

AIoT: a tendência que veio para ficar 

Segundo estimativa da consultoria Gartner, fecharemos o ano de 2020 com nada menos que 5 bilhões de dispositivos conectados à Internet, um aumento de 21% em relação ao ano de 2019. A expansão do mercado de IoT aponta para o crescimento de uma nova dinâmica de publicidade.

De acordo com André Dylewski, Country manager da RTB House no Brasil, com a chegada da inteligência artificial das coisas (AIoT, na sigla em inglês), os aparelhos serão interconectados, permitindo uma interação maior entre a casa e os usuários. “O principal diferencial está na criação de experiências cada vez mais personalizadas e que otimizam a rotina das pessoas com base no cruzamento dos dados dos usuários”, disse Dylewski. 

Quer um exemplo prático? Imagine sua geladeira smart exibindo uma promoção da sua cerveja preferida em um supermercado próximo da sua casa. Gostou? Então, esse é um dos recursos de AIoT que promete revolucionar as campanhas publicitárias. Sem dúvida, trata-se de um enorme potencial para a publicidade em termos de performance de resultados e experiências personalizadas. 

No artigo Mídia programática: tendências que prometem revolucionar, publicado pelo Meio & Mensagem com apoio da BRSA como assessoria de imprensa, no dia 05 de março, André Dylewski aponta essa e outras tendências que vão elevar o mercado de compra programática e a experiência das campanhas digitais. Confira o artigo abaixo:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Nossos clientes são destaque via Assessoria de Imprensa:

Conheça nossos cases de sucesso com Marketing Digital:

BRSA - Branding and Sales

Falta apenas um passo para falar com a gente:

Onde estamos:

São Paulo:

  • Rua Alcides Ricardini Neves, 12 sala 401
  • atendimento@brsa.com.br
  • 11 5501 4011

Campinas

  • Rua dos Bandeirantes, 635
  • atendimento@brsa.com.br

Nossos canais:

Deixe uma mensagem:

gestão de marketing digital

Como fazer a gestão de marketing com times remotos.

Em tempos de quarentena, gestores de marketing precisam manter a performance e engajamento dos seus times. 

Faça o download e tenha acesso ao processo de gestão de times da BRSA. 

Em 2019 a BRSA atingiu 91% de satisfação na pesquisa GPTW junto aos colaboradores (a média das empresas brasileiras certificadas é de 87%).

Agora vamos buscar os 9% que faltam!!

BRSA conquista pelo segundo ano consecutivo a certificação do Instituto Great Place to Work!

Vamos falar sobre ter mais efetividade comercial?

Informe seus dados para que nossa equipe entre em contato com você. 

🔒Ser efetivo é não enviar spam. Seus dados estão seguros. 🔒

Inscreva-se na Effective News.

A Effective news são conteúdos enviados em seu e-mail sobre como fazer marketing eficiente e de resultados.

🔒Ser efetivo é não enviar spam. Seus dados estão seguros. 🔒